08 dez

Parceria entre varejo e indústriachega ao e-commerce

Grandes players da indústria de bens de consumo estão unindo a força de suas marcas à capilaridade do varejo supermercadista e sua capacidade de atender prontamente consumidores em todo o País. O objetivo é fortalecer o comércio virtual brasileiro e potencializar a geração de negócios para ambos os lados. Confi ra os passos da Coca-Cola Brasil, Grupo Heineken e MondelezFonte: SuperHiper Abras A jornada do comércio virtual de bens de consumo por parte do varejo supermercadista brasileiro, que já há alguns anos vem ganhando escala e amadurecendo, ganhou novos rumos em 2020, que estão viabilizando a aceleração do desenvolvimento e progresso do e-commerce operado pelo autosserviço nacional. Por trás dos passos dados neste ano, naturalmente, está o engajamento e mobilização das próprias empresas varejistas para atender uma sociedade que, repentinamente, foi surpreendida pela necessidade de distanciamento social e que fez dos meios digitais um aliado para abastecer o lar. Além disso, também é possível observar, com cada vez mais clareza, que o princípio de colaboração entre varejo e indústria, conceito que é discutido pelo setor há muito tempo,…[+]
08 dez

Custo da cesta básico sobe em 16 das 17 capitais pesquisadas

Agência Brasil Em novembro, o preço da cesta básica subiu em 16 das 17 capitais brasileiras analisadas na Pesquisa Nacional da Cesta Básica de Alimentos, realizada mensalmente pelo Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese). Recife foi a única capital onde o custo da cesta caiu, registrando menos 1,30% de seu valor. As maiores altas foram observadas em Brasília, 17,05%; Campo Grande, 13,26%; e Vitória, 9,72%.  Segundo o Dieese, o arroz, o óleo de soja, a carne, o tomate e a batata tiveram alta expressiva na maioria das capitais. A cesta básica mais cara do país é a do Rio de Janeiro, onde custava, em média, R$ 629,63 em novembro. A cesta mais barata foi encontrada em Aracaju, com custo médio de R$ 451,32. Com base no preço da cesta básica mais cara observada pela pesquisa, o Dieese estimou que o salário mínimo necessário para suprir as despesas de um trabalhador e de sua família com alimentação, moradia, saúde, educação, vestuário, higiene, transporte, lazer e…[+]
07 dez

Assembleia Legislativa aprova redução de ICMS do arroz e do feijão

Fonte: Agência Assembleia de NotíciasOs deputados aprovaram, durante a sessão ordinária desta quinta-feira, 3, dois projetos de lei de autoria da Governadoria do Estado, todos em segunda fase de discussão e votação. O destaque é para a matéria que reduz de 17% para 12% a alíquota do Imposto sobre Operações Relativas à Circulação de Mercadorias e sobre Prestações de Serviços de Transporte Interestadual e Intermunicipal, e de Comunicação (ICMS), aplicável às operações com arroz, feijão e outros itens. A sessão ordinária híbrida dessa quinta-feira, 03, aprovou durante a apreciação da Ordem do Dia, dois projetos de lei de autoria da Governadoria do Estado, todos em segunda fase de discussão e votação. As matérias serão encaminhadas, agora, para a sanção do governador Ronaldo Caiado (DEM). Uma das propostas aprovadas, foi o projeto de lei n° 6608/19, que altera a alínea “a” do inciso 11, do artigo 27, da Lei nº 11.651/91, do Código Tributário do Estado de Goiás (CTE). O placar da votação foi de 24 votos favoráveis e nenhum contrário. [+]
04 dez

Presidente da Agos participa de inauguração da Câmara de Arbitragem e Mediação para solução de problemas empresariais, na Acieg

O presidente da Associação Goiana de Supermercados (Agos), Gilberto Soares participou nesta quinta-feira (03), na Associação Comercial, Industrial e de Serviços do Estado de Goiás (Acieg) da inauguração, da Câmara de Arbitragem e Mediação (CAM – Acieg), voltada à solução também de conflitos envolvendo a classe empresarial. O evento aconteceu na sede da entidade. Rangel Francisco Pinto, Presidente CRC; Uilson Manzan, Presidente ACIC; Rubens Fileti, Presidente Acieg; Gilberto Soares, Presidente da Agos; Renan Santos, Diretor da Acieg e Fernando de Paula Ferreira, Diretor Executivo de Governança Corporativa do Sebrae/GO A CAM-Acieg é uma instituição privada que atua para auxiliar os pequenos e médios negócios na solução extrajudicial e adequada dos seus conflitos. Para cumprir o seu objetivo, administra procedimentos de conciliação, mediação e arbitragem, envolvendo as questões empresariais. Para o diretor da Acieg e presidente da Comissão Especial de Arbitragem da OAB-GO, Renan Santos, esse é um momento ímpar que a entidade está vivenciando. “A CAM-Acieg vem para conceder aos empresários a…[+]
01 dez

Novo presidente da Abras quer volta de venda de remédios em supermercados

Fonte: Mercado e Consumo. O empresário e líder setorial João Galassi é o novo presidente da Associação Brasileira de Supermercados (Abras) para o biênio 2021/2022. Ele foi eleito por unanimidade durante Assembleia Geral realizada nesta segunda-feira (30), que reuniu toda a diretoria da entidade nacional. O empresário assume o cargo em janeiro de 2021. Natural de Campinas, interior de São Paulo, Galassi é formado em Administração de Empresas pela Pontifícia Universidade Católica (PUC) e possui MBA em Gestão de Pessoas pela Fundação Getúlio Vargas (FGV). Iniciou sua carreira empresarial nos negócios da família, contribuindo com o desenvolvimento da rede de Supermercados Galassi, com mais de 50 anos de existência na sua terra natal. “É uma grande honra presidir a Associação de Brasileira de Supermercados e poder contribuir com o fortalecimento dessa entidade tão representativa no cenário empresarial do país. Assumo esse novo desafio com muita responsabilidade e com o objetivo de trabalhar pela evolução e competitividade do ambiente de negócios no Brasil”, declarou João Galassi. Venda de medicamentos seguros [+]
01 dez

Refis: programa para regularização de débitos municipais com desconto de até 90% começou nesta segunda, 30

Dessa vez o contribuinte terá a oportunidade de parcelar seus débitos no cartão de crédito em até 12 vezesFonte: Prefeitura de Aparecida de Goiânia O Programa de Recuperação Fiscal 2020 (Refis) da Prefeitura de Aparecida de Goiânia oferece aos contribuintes e empresas em débito com o município, condições especiais para pagamento de impostos e tributos. Para participar da campanha neste ano, o contribuinte deve agendar atendimento no endereço eletrônico www.aparecida.go.gov.br/servicos/on-line, escolher a opção Agendamento SAC e em seguida clicar em Refis 2020.  Quem optar pelo pagamento à vista não precisa agendar atendimento, pois o boleto estará disponibilizado na internet. A negociação será realizada nas unidades do Serviço de Atendimento ao Cidadão (SAC). Veja a programação: O SAC da Cidade Administrativa e Parque Veiga Jardim o atendimento será de segunda a sexta-feira das 8h às 20h. Nas unidades do SAC da Vila Brasília, Parque Flamboyant, Cidade Livre e no Polo Empresarial Goiás, o atendimento será até às 18h. O atendimento presencial do SAC nas agências do Vapt-Vupt do setor Garavelo, Buriti…[+]
01 dez

João Galassi é eleito presidente da Associação Brasileira de Supermercados

Fonte: AbrasO empresário e líder setorial João Galassi é o novo presidente da Associação Brasileira de Supermercados (ABRAS) para o biênio 2021/2022. Ele foi eleito por unanimidade durante Assembleia Geral realizada nesta segunda-feira (30), que reuniu toda a diretoria da entidade nacional. O empresário assume o cargo em janeiro de 2021. Natural de Campinas, interior de São Paulo, Galassi é formado em Administração de Empresas pela Pontifícia Universidade Católica (PUC) e possui MBA em Gestão de Pessoas pela Fundação Getúlio Vargas (FGV). Iniciou sua carreira empresarial nos negócios da família, contribuindo com o desenvolvimento da rede de Supermercados Galassi, com mais de 50 anos de existência na sua terra natal. “É uma grande honra presidir a Associação de Brasileira de Supermercados e poder contribuir com o fortalecimento dessa entidade tão representativa no cenário empresarial do país. Assumo esse novo desafio com muita responsabilidade e com o objetivo de trabalhar pela evolução e competitividade do ambiente de negócios no Brasil”, declarou João Galassi. Entre os principais pleitos da nova gestão estão a volta da…[+]
27 nov

A essencialidade da atividade de supermercados e o trabalho em feriados

Revista Consultor JurídicoO debate que envolve a essencialidade da atividade de supermercados e o trabalho em feriados ganhou protagonismo desde que a então Medida Provisória 388/2007, convertida na Lei 11.603/2007, e que na atual redação conferida à Lei 10.101/2000 trouxe a seguinte disposição: “Artigo 6º-A — É permitido o trabalho em feriados nas atividades do comércio em geral, desde que autorizado em convenção coletiva de trabalho e observada a legislação municipal, nos termos do artigo 30, inciso I, da Constituição”. Para compreender o contexto da referida legislação, é importante nos debruçarmos sobre a exposição de motivos da então Medida Provisória (por Carlos Roberto Lupi): “9. A partir dessas discussões, foi firmado protocolo de entendimentos celebrado entre o Ministério do Trabalho e Emprego e as entidades representativas dos empregadores e dos trabalhadores, com o objetivo de envidar esforços para a aprovação de proposta legislativa visando a regulamentar o trabalho aos domingos e feriados nas atividades do comércio em geral. 10. Por meio desse protocolo as partes firmaram compromisso de apoio público à aprovação, pelo…[+]