08 maio

Fórum Empresarial Goiano pede “abertura das atividades já”

Fonte: Empreender em Goiás O Fórum das Entidades Empresariais de Goiás (FEE) divulgou nota oficial hoje (07/05), assinada pelos oito presidentes das entidades classistas, em que reivindica maior abertura das atividades econômicas no Estado. “A Região Centro-Oeste representa 3% dos casos confirmados de contaminação pela Covid-19 em todo o Brasil, o que nos permite dizer que os empresários foram extremamente respeitosos com as medidas do Governo e já é tempo de flexibilizar as medidas de suspensão das atividades empresariais”, reivindica o Fórum. As entidades ressaltam que têm acompanhado as medidas adotadas pelos governos estadual e municipais. “Entendemos que o momento exige o comprometimento de toda sociedade, com adoção de medidas de prevenção, proteção e respeito às determinações das autoridades sanitárias, inclusive para evitar a contaminação e a propagação do novo coronavírus”, frisa o Fórum. “O FEE sempre apoiou as medidas do governo de Goiás e sempre defendeu, como continua defendendo, a flexibilização da suspensão para atividades essenciais e o retorno gradual das atividades econômicas de forma segura, tendo como contrapartida o compromisso do setor produtivo em…[+]
07 maio

Presidente da ABRAS participa de webinar da TV Tem sobre cenário econômico na pandemia

Fonte: Abras O presidente da Associação Brasileira de Supermercados (ABRAS), João Sanzovo Neto, participou nesta terça-feira (5), de webinar promovida pela TV TEM, afiliada da Rede Globo, no interior paulista, sobre o cenário econômico durante a crise da covid-19. Também participaram o Secretário da Fazenda e Planejamento do Estado São Paulo e ex-ministro, Henrique Meirelles, o presidente do Grupo Rodobens, Waldemar Verdi Jr., o presidente da TV TEM, Stefano Hawilla, e a diretora-geral da emissora, Renata Afonso, além da jornalista, Andrea Baron, mediadora. No encontro virtual, os participantes destacaram a importância em priorizar a saúde neste momento de pandemia, e falaram da necessidade de um planejamento para que a recuperação da economia aconteça de forma sustentável considerando todos os setores. Henrique Meirelles abriu o debate ressaltando que é preciso discutir o nível de endividamento das empresas no pós-crise. “Existe um conselho econômico no Estado de São Paulo que está estudando as medidas junto ao governo para que a volta gradual do comércio considere a vulnerabilidade de cada setor, a capacidade de gerar…[+]
06 maio

Parlamentares goianos querem horário exclusivo para pessoas do grupo de risco irem aos supermercados

Fonte: Agência Assembleia de Notícias Processos habilitados à distribuição na Comissão de Constituição, Justiça e Redação (CCJ) do Legislativo goiano, tratam de exclusividade no atendimento para grupos diferenciados de pessoas durante o período da pandemia de coronavírus (covid-19), com horário diferenciado em supermercados, hipermercados, panificadoras, farmácias e drogarias, para maiores de 60 anos. Essas iniciativas constam nos processos nº 2138/20, apresentado pelo deputado Iso Moreira (DEM), no de nº 2139/20 defendido pelo parlamentar Paulo Trabalho (PSL), e o nº 2146/20, de autoria do deputado Gustavo Sebba (PSDB). Iso Moreira assinala, na proposta, o estabelecimento das primeiras duas horas, contadas a partir do início das atividades, para consumidores com mais de 60 anos e para os portadores de doenças crônicas, desde que esses apresentem atestado ou laudo médico comprobatório da doença. O parlamentar pontua que a matéria visa ao cumprimento do artigo 24, incisos V, VIII e XII, da Constituição Federal, em que é pontuada a competência dos estados de legislar sobre assuntos referentes à…[+]
06 maio

Estudo aponta os supermercados mais buscados na quarentena

Fonte: Mercado e ConsumoDesde o início do isolamento social, em março, a população brasileira vem buscando mais supermercados online visando abastecer os mantimentos. É o que aponta um estudo realizado pela SEMrush , líder global em marketing digital. De acordo com os dados levantados pela plataforma, as buscas por Pão de Açúcar cresceram 83% de fevereiro para março. Já o Extra, do mesmo grupo, apurou um crescimento de 22% no mesmo período. Ambos os e-commerces estabeleceram atendimento prioritário para clientes acima de 60 anos e pessoas com mobilidade reduzida. Já outra grande rede, o Carrefour, teve um crescimento de 50% nas buscas, com volume de mais de 2,2 milhões em março. Mas não foram apenas as grandes varejistas nacionais que tiveram um aumento significativo de buscas, importantes redes regionais também tiveram um crescimento notável no período. Destaque para a rede Comper, que possui lojas no Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e Distrito Federal, e teve um aumento de 123% nas pesquisas online. Ainda na região Centro-Oeste, o Supermercado Bretas cresceu 22%. [+]
05 maio

Grupo BIG anuncia campanha para arrecadar doações para as comunidades

Fonte: Assessoria de Comunicação do Grupo Big O Grupo BIG (@hipermercadobig) inicia uma campanha para apoiar as comunidades vulneráveis próximas de suas lojas neste período de quarentena. A iniciativa é parte do projeto #ATITUDESBIG, que tem como objetivo incentivar e recolher as doações feitas por clientes e pelos mais de 50 mil colaboradores da empresa. Para isso, o Grupo BIG contribuirá com o envio de mais de 200 toneladas de alimentos e produtos de primeira necessidade para entidades como o Mesa Brasil, Amigos do Bem e a Rede de Bancos de Alimentos do Rio Grande do Sul. A empresa também vai contribuir com o montante arrecadado pelos seus colaboradores, adicionando parte do valor que será doado para as comunidades impactadas pelo novo coronavírus. Como forma de aliviar a tensão causada pelo isolamento social e estimular as doações, o projeto #ATITUDESBIG também apoiará o Risadaria – maior festival de humor do mundo – na realização da primeira live em formato de stand-up comedy do país que vai arrecadar doações para as vítimas da pandemia. O show ‘Risadaria em Casa’ será realizado na próxima terça-feira (5), a partir…[+]
04 maio

ABRAS e mais 28 entidades do varejo lançam plataforma de geração de empregos

Fonte: Scritta/Assessorias de Comunicação das entidades participantes Em um movimento pioneiro no país, 29 entidades ligadas ao varejo uniram-se para desenvolver uma plataforma online de geração de empregos no setor. Com a iniciativa, intitulada Vagas no Varejo, o segmento espera minimizar os impactos provocados pelo novo coronavírus, ao garantir a recolocação de profissionais no mercado de trabalho e preservar a atividade empresarial. O lançamento oficial acontece hoje, em uma data emblemática: 1º de maio, Dia do Trabalho. Segundo indicadores do Ibre/FGV, a crise pode deixar até 12,6 milhões de pessoas desempregadas e contrair em cerca de 15% a renda dos trabalhadores. O projeto foi idealizado pela Associação Brasileira de Supermercados (Abras), Associação Brasileira de Redes de Farmácias e Drogarias (Abrafarma) e Associação Brasileira de Prevenção de Perdas (Abrappe). A ação recebeu ainda o apoio voluntário da Tegra Sistemas, responsável pela concepção da plataforma; e da Advance, que elaborou o projeto de marketing e comunicação visual. O aplicativo Vagas no Varejo estará disponível em todas as plataformas móveis, exigindo inicialmente a conexão com a rede social ou…[+]
30 abr

Exportações e importações brasileiras podem cair 20% em 2020, diz Ipea

Fonte: G1 O Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) divulgou nesta terça-feira (28) uma estimativa dos efeitos que a crise do novo coronavírus pode causar na balança comercial brasileira neste ano de 2020. São três cenários, tomando por base relatórios do Fundo Monetário Internacional (FMI) e da Organização Mundial do Comércio (OMC). No modelo mais ponderado, o Brasil pode perder até 20,6% de seu volume de exportações, saindo de US$ 225,4 bilhões para a casa dos US$ 178,9 bilhões, em virtude a queda de preços e dos fluxos de negociação de commodities – um dos motores da economia nacional. “Os mercados financeiros e de commodities foram duramente atingidos, alterando profundamente os fundamentos da economia mundial”, diz a nota técnica do Ipea. “Como resultado, já se observa uma queda abrupta da produção, do emprego e da renda em quase todos os países. Isso tudo aponta para uma redução sem precedentes no comércio mundial.” A balança comercial segue superavitária, mas com perda de US$ 10,1 bilhões. Isso porque a queda nas importações, de acordo com a previsão, também será da ordem de 20,5%,…[+]
27 abr

Agos em Ação: Supermercados da capital vão abrir as portas a partir das 6h da manhã no escalonamento da prefeitura de Goiânia

Na manhã desta sexta-feira (24), o presidente da Associação Goiana de Supermercados (Agos), Gilberto Soares esteve reunido com o vereador por Goiânia Denício Trindade e o presidente da CMTC, Sr. Benjamin Kennedy para tratar a respeito do escalonamento da prefeitura de Goiânia, no que tange aos supermercados da capital. Segundo a proposta, seria feito um escalonamento de horários de abertura dos estabelecimentos comerciais para conter a movimentação de pessoas nas ruas. A princípio os supermercados estavam escalonados para abrir as portas a partir das 9h da manhã, todavia o setor alimentício, incluindo os supermercados é considerado um segmento essencial, que atende as necessidades básicas. Por isso ficou firmado a abertura dos supermercados para às 6h da manhã. O escalonamento é uma das medidas propostas pela prefeitura de Goiânia no enfrentamento a pandemia do Novo Coronavírus. A medida visa a diminuição da circulação de pessoas dentro do transporte coletivo, nos terminais e nos pontos de ônibus. Para que possa passar a valer as medidas precisam ser publicadas em decreto no Diário Oficial. A prefeitura de Goiânia não…[+]