06 nov

Supermercados acumulam crescimento de 3,22%

Fonte: Abras O autosserviço brasileiro acumula crescimento real de 3,22% – deflacionado pelo IPCA/IBGE, de janeiro a setembro, na comparação com o mesmo período do ano passado, de acordo com o Índice Nacional de Vendas da Associação Brasileira de Supermercados (ABRAS). Em setembro, as vendas do setor apresentaram queda real de -4,94% em relação a agosto, e alta de 1,87% na comparação com o mesmo mês de 2018. “O acumulado de setembro, de 3,22%, continua bem positivo para o setor, e acima das nossas expectativas de fechamento de vendas do ano, de 3%. Se olharmos o mesmo período de 2018 (janeiro a setembro), o setor supermercadista registrou alta de 1,92%, o que nos mostra que a economia está melhorando, mesmo que gradativamente. Na comparação com agosto, que teve o maior acumulado no período desde 2014, setembro teve leve desaceleração, mas já era esperado. Acreditamos que seguiremos nesse patamar em torno de 3% até dezembro”, destaca o presidente da ABRAS, João Sanzovo Neto. Sanzovo ressalta ainda o otimismo para a reta final de 2019. “Neste…[+]
05 nov

Deputada propõe uso de alimentos apreendidos pela Agrodefesa no combate à fome

Fonte: Agência de Notícias Para aproveitar melhor os alimentos apreendidos em ações de fiscalização da Agência Goiana de Defesa Agropecuária (Agrodefesa), a deputado Lêda Borges (PSDB) apresentou o projeto de lei ordinária nº 6261/19, que determina a doação dos mantimentos apreendidos a entidades e instituições sem fins lucrativos, para que sejam utilizados em programas e projetos de desenvolvimento social e combate à fome em Goiás. A matéria foi distribuída para relatoria ao deputado Vinícius Cirqueira (Pros), no último dia 17, e deve ser inserida na pauta de votação da Comissão de Constituição, Justiça e Redação (CCJ) nesta semana. De acordo com o projeto, desde que plenamente aptos ao consumo humano, os alimentos devem ser destinados às secretarias responsáveis por programas sociais destinados a crianças, jovens, mulheres, idosos e nutrizes em situação de insegurança alimentar. “As entidades e instituições interessadas em receber os alimentos deverão comprovar o exercício de atividades filantrópicas”, diz o caput. Em sua justificativa, a parlamentar ressalta que “sejam observados todos os procedimentos legais para a realização da doação,…[+]
04 nov

Mesa Brasil tem resultados positivos na SuperAgos 2019

Neste ano a Agos firmou parceria com a Mesa Brasil, levando para a 18ª Convenção e Feira de Negócios para Supermercados e Panificadoras (SuperAgos), cidadania, segurança alimentar e nutricional. O programa conseguiu arrecadar dentro da feira de negócios, 563 kg de alimentos para doação. A Mesa Brasil Sesc é um programa do governo federal, que atende várias entidades em diversos estados brasileiros, para trabalhar contra a fome e o desperdício, levando qualidade de vida a pessoas em situação de pobreza. Deste modo, o programa busca os alimentos onde sobra e leva para onde falta, de um lado reduzindo o desperdício e de outro, alimentando crianças, jovens, adultos e idosos. A Mesa Brasil, dentro da SuperAgos visitou 27 estandes de empresas de vários seguimentos como, distribuidoras de alimentos, empresas de frutas, cereais, bebidas, frios, panificados, produtos de limpeza e cosmético. De todas as empresas visitadas, duas fizeram doações imediatas e outras oito empresas proporcionaram a prospecção para a realização de visitas de captação de novas parcerias . Oficinas Em parceria…[+]
04 nov

Por que o Brasil discute mudanças nas embalagens dos alimentos

Fonte: BBC O processo, que começou no ano 2000 – mas, na prática, só foi amplamente implementado em 2006 –, foi parte da estratégia de saúde pública para promoção da alimentação adequada e saudável e o combate ao excesso de peso. Desde então, e até hoje, o modelo utilizado fornece aos consumidores informações sobre as características básicas da composição dos alimentos, a fim de auxiliá-los a fazer escolhas mais conscientes, e também para incentivar a indústria a reformular voluntariamente seus produtos. Com o passar dos anos, no entanto, e apesar de a rotulagem ter recebido alguns ajustes, percebeu-se que muita gente tem dificuldade para visualizar, compreender e utilizar as informações da tabela nutricional, o que a torna ineficaz. Para se ter uma ideia, uma pesquisa realizada em 2016 pelo Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor (Idec) apontou que 39,6% das pessoas disseram entendê-la parcialmente ou muito pouco e 0,4% afirmaram não entender nada.  As principais dificuldades apontadas foram: letra pequena (61%), uso de termos técnicos (51%)…[+]
01 nov

Supermercado Prátiko inaugura mais uma loja

Foi inaugurado na manhã desta sexta-feira (01), às 10h, a sétima loja da rede super Prátiko, em Goiânia. A agora os moradores do Conjunto Riviera e região podem contar com um supermercado completo, equipado com açougue, bazar, hortifruti, padaria e papelaria.  Segundo informações do proprietário, a loja tem um espaço total de mil metros quadrados e 76 funcionários. Além de contar com um estacionamento amplo. Logo no primeiro dia de funcionamento, o supermercado teve uma grande movimentação de pessoas. Acompanhe as fotos. [+]
01 nov

Agos promove a 3ª Reunião Extraordinária do Conselho Administrativo

A Associação Goiana de Supermercados – Agos, nesta quinta-feira (31) promoveu a reunião mensal da diretoria com pauta de assuntos relacionados a categoria. Na ocasião estavam presentes supermercadistas de Goiânia e região. O presidente da Agos, Gilberto Soares aproveitou para apresentar a diretoria e colocar em discussão, um novo projeto da entidade. Trata-se da blitz da fiscalização alimentar nos supermercados com o nome “Agos em ação”. Também foram apresentados na reunião, os resultados da 18ª Convenção e Feira de Negócios para Supermercados e Panificadoras (SuperAgos 2019), realizada no último mês de setembro, no Centro de Convenções de Goiânia. Foram repassadas informações sobre a Mesa Brasil, Rodadas de Negócios, Estação do Conhecimento, Espaços de Carnes e Gourmet e Espaço Padaria. [+]
01 nov

Agos realiza Fórum de Prevenção e Perdas

Pesquisa afirma que setor Supermercadista tem o maior índice de perdas entres os setores analisados Dentro de um supermercado existem muitos itens que precisam ser armazenados e expostos da forma certa para dar mais rentabilidade ao empresário, garantindo melhores resultados para o setor supermercadista.  Pensando em evitar prejuízos para a categoria, a Escola Agos realizou um Fórum de Prevenção e Perdas na quarta-feira (30) das 16h às 18h para abordar posicionamento estratégico com alvo nos melhores resultados. Além de trazer para os alunos estratégia e maneiras de diminuir as perda, o facilitador, apresentou para os participantes do fórum, os resultados da pesquisa da Associação Brasileira de Prevenção e Perdas – ABRAPPE de Perdas no Varejo Brasileiro. A pesquisa analisou mais de 17 setores de vendas e afirmou que o setor supermercadista teve o maior índice de perda com 45% de todos os setores, onde já é esperado devido a quantidade de produtos perecíveis nas lojas, mas vale lembrar que esse valor é acima da média. Outras causas de perdas dentro dos supermercados são perdas nas quebras operacionais, quando vai…[+]
30 out

Escola Agos inicia novembro com oficinas gratuitas

Escola Agos inicia novembro com oficinas gratuitas A Associação Goiana de Supermercados – Agos, programou duas oficinas gratuitas voltadas para quem trabalha no setor supermercadista. As oficinas, na próxima quarta-feira (06/11), acontecerão na sede da Agos, no Setor Sudoeste em Goiânia e visam a qualificação profissional. A primeira acontece das 9h às 12h, com o tema: Ferramentas que geram aumento da produtividade na produção. Nesta oficina será abordado o passo a passo do funcionamento dentro das indústrias. Este curso traz também a aplicação de ferramentas de avaliação e controle de todo o processo de fabricação, desde a definição sobre o que fabricar a cada dia até a finalização das ações. A segunda oficina acontece no mesmo dia, das 14h às 17h e tem como tema: Estratégias para aumento do ticket médio nas vendas de final de ano com zero de investimento. Neste curso serão apresentadas ações que utilizam a própria estrutura disponível da empresa como arma para aumento das vendas sem a necessidade de investimento financeiro. Além de falar sobre técnicas de exposição e de degustação, sistema…[+]